Controle de triglicerídeos e risco cardiovascular

Uma abordagem possível e de comprovada eficácia no que tange programas de exercício deve incluir atividade de intensidade moderada de 4 a 6 vezes por semana com gasto de pelo menos 200 kcal/dia, como caminhada, bicicleta, hidroginástica. Essas metas diárias podem ser atingidas em sessões múltiplas no decorrer do dia ( mínimo de 10 cada sessão). Orienta-se ainda associar-se 2 dias de exercício resistido por semana.
Os fibratos devem ser usados para tratar hipertrigliceridemia severa ( acima de 500 mg/dL) e provavelmente melhoram os desfechos cardiovasculares em pacientes de alto risco quando triglicerídeos estão acima de 200 mg/dL e HDL <40 mg/dL e não consegue-se baixar com mudanças do estilo de vida .

O Miha, aparelho da foto, pode ser uma alternativa de exercício para você. ligue 30291890

Referências

1-Guidelines for the Management of Dyslipidemia and Prevention of Cardiovascular Disease. American Association of Clinical Endocrinologists and American College of Endocrinology. EndocrPract. 2017; 23(Suppl 2).

2-Catapano AL, Graham I, De Backer G, Wiklund O, Chapman MJ, Drexel H, et al. 2016 ESC-EAS Guidelines for the management of dyslipidemia. Eur Heart J. 2016 Oct 14;37(39):2999-3058. Epub 2016 Aug 27.